• Ricardo Vargues - Fisioterapeuta

Fascite plantar.

Atualizado: 20 de set.

Conheça as causas e como a fisioterapia o(a) pode ajudar no tratamento desta inflamação na região do calcanhar.

A fascite plantar é uma inflamação na fáscia plantar (fig.1), um tecido espesso que se situa na sola do nosso pé: essa inflamação tem origem na porção anterior do calcâneo prolongando-se até aos dedos. A sua relevância está na manutenção do arco do pé, evitando movimentos exagerados que fazem com que este fique plano.


Região da lesão e inflamação da fáscia plantar.
Figura 1 - Fáscia plantar.

Causas e fatores de risco que promovem uma sobrecarga na fáscia, levando à inflamação:


— exagerar nos movimentos do pé, como por exemplo fazer desportos como corrida ou saltar;

— ter excesso de peso;

— usar calçado inadequado;

— ter um pé cavo (fig.2)

— ter o pé plano (fig.2);

— trabalhar muitas horas em pé.


Esta inflamação manifesta-se com dor (com mais frequência na região do calcanhar) e tende a agravar quando a pessoa coloca carga sobre o pé, especialmente quando se dão os primeiros passos após acordar de manhã.


pé chato, pé cavo, pé normal
Figura 2 - Tipos de pés e pisadas.

Se sente esta dor e identifica alguns destes fatores de riscos, muito provavelmente tem uma fascite plantar.

E agora o que fazer?


Obter um diagnóstico correto e o quanto antes será o mais sensato, porque uma fascite plantar tipicamente demora bastante tempo a ser reabilitada. É muito comum as pessoas procurarem ajuda de um profissional de saúde só quando as dores se tornam insuportáveis e a fascite já se encontra numa fase crónica. Se estiver porventura há mais de um ano com dor, existe uma grande probabilidade de necessitar de cirurgia por ser uma patologia algo incapacitante.


Procurar um fisioterapeuta o quanto antes é a melhor opção. A implementação de um plano de reabilitação, envolvendo diversas técnicas e modalidades terapêuticas, ajudará na diminuição da dor e da inflamação, melhorará o condicionamento, assim como a sinergia muscular e articular.


Juntos podemos avaliar a possibilidade do uso de uma palmilha personalizada para complementar o seu tratamento na melhoria da dor e da função articular a curto prazo.

A reabilitação poderá ser prolongada — semanas a meses —, mas é geralmente eficaz. Por esse motivo, é importante que procure ajuda!




Ricardo Vargues | Fisioterapeuta



Veja o vídeo sobre a fascite plantar:


Referências:

Medical News Today.


José Carlos Baldocchi Pontin, Thiago Ragusa Costa, Therezinha Rosane Chamlian. Tratamento fisioterapêutico da fasciíte plantar. 2014.

51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo